História do Campo Eclesiástico de Concórdia - SC

O município de Concórdia fazia parte do campo eclesiástico de Joaçaba - SC com o passar do tempo sentou-se o chamado do Senhor Jesus para enviar um missionário para residir permanentemente neste município, e foi designado o presbítero missionário José Evaristo e a esposa irmã Maurina, onde trabalharam evangelizando e falando do amor de Jesus pelas ruas de chão da cidade e interior de Concórdia e municípios vizinhos hoje conhecidos como, Piratuba, Jaborá, Irani, Ipumirim, Seara entre outros municípios da região.

Pb. José Evaristo e a irmã Maurina (1.964 à 1.966) que iniciaram o trabalho evangelístico falando do amor de Jesus e testemunhando, reuniam-se em uma casa de madeira 7x9 de 3 andaresna Rua Candido Ramos Nº 164 que era alugada do Sr. Caetano Chiocheta, um dos primeiros crentes foi o Sr. Antônio Venite. Omissionáriosofreu perseguições, mas o Senhor Jesus deu graça para permanecerem firmes no que Jesus tinha os chamado.

Pb.AmantinoBurg e a Sra. Sua Esposa(1.966 à 1.968)deu continuidade ao trabalho por aproximadamente 2 anos.

Ev. Antônio Mikalixen e a irmã Vilma (1.968 à 1.976) que vieram de União da Vitória, nesta época foi adquirido a casa que era usada como localde culto com o terreno,  outro terreno foi doado pelo Sr. Caetano Chicheta.

Ev. Antônio Vancini e a irmã Sileia (1.976 à 1.978)e neste período foiiniciado a construção de um templo de 9x14 em alvenaria e mais pessoas eram salvas pelo Senhor Jesus.

Pb. Ivo Ponchieli e a Sra. Sua Esposa (1.978 à 1.979) vindos de São José-SC, neste período foi concluída a construção do templo, bem diferente do que vemos hoje.

Pr.Riograndino Pereira e a Sra. Sua Esposa(1.979 à 1.981)com o crescimento da igreja em Concórdia   desmembrou-se de Joaçaba e formou um novo campo eclesiástico e o Pastor Riograndino Pereira que pastoreava Joaçaba assumiu Concórdia como primeiro pastor presidente.

Pr. Manoel Francelino de Souza e a Sra. Sua Esposa(1.981 à 1.984) neste período foi construída uma casa pastoral de 8x12 em alvenaria e também a igreja da congregação de Jaborá que na época pertencia ao campo eclesiástico de Concórdia.

O presidente pastor José Alves de Campos e a Ir. Valfrida (1.984 à 1.988) foi neste período que a igreja foi ampliada no para o tamanho de 12x23.

Pr. Presidente José Evaristo e a Irma Maurina (1.988 à 1.989) agora como pastor presidente José Evaristo retornou para Concórdia, com o triste falecimento da irmã Maurina deu lugar a outro pastor.

Pr. Presidente Arcelino Victor de Mello e a irmã Iracildes(1.989 à 1.990) permaneceram em Concórdia por 1 ano.

Pr. Presidente Leonel Tavares da Silva e a irmã Alina (1.990 à 1.992) nesta época foram abertas as congregações do bairro dos Estados e Nova Brasília.

Pr. Presidente Gentil Monteiro de Lima e a irmã Marlene (1.992 à 1.996) foi construída a igreja no tamanho que encontra-se atualmente.

Pr. Presidente Altino Ferreira Gomes e a irmã Zenira(1996 à 2004) que permaneceram até o ano de 2004 onde foram aberto pontos de pregações.

Pr. Presidente José Ulisses Batista e a irmã Marli (2004 á 2009) foi aberto congregações como Santo Antônio (Monte Sião) e Parque de Exposições.

Pr. PresidenteGuido Külkamp e irmã Rosa (2009 à 2011) permaneceram até o ano de 2011, onde foi construída a congregação do distrito de Santo Antônio (Monte Sião).

Pr. Presidente Valmor Antônio Mussini e irmã Elza(2011 à 2013)permaneceram até julho de 2013, neste período foi reformado a igreja sede e substituído os bancos de madeira por poltronas estofadas.

Pr. Presidente Hebrom Evandro Mussini e irmã Cleone(2013 atualmente) o campo eclesiástico de Concórdia atualmente conta com a igreja Sede situada à Rua Candido Ramos, Nº 164, mais 18 congregações com templos próprios e alugados e pontos de cultos.


© - Ideia Good - Soluções para Internet